domingo, 21 de abril de 2013

Dupla é presa em Baraúna/PB após lesionar um idoso em tentativa de roubo.


Na última sexta-feira, 19/04/2013, a guarnição da policia militar de Baraúna, formada pelo CB Wellington e SD De Aguiar, conduziram até a Delegacia Regional de Picuí, as pessoas de Damião Robério dos Santos(primeiro da foto) e Carlos Alberto dos Santos Nóbrega, conhecido por"Paulista" após os flagrarem tentando roubar um senhor idoso em sua casa localizada no sítio Lagoa da Caraibeira, zona rural de Baraúna.
A dupla chegou a casa da vítima exigindo dinheiro, e como não conseguiram, o "Paulista" chegou a ferir o idoso com um golpe de faca na cabeça. A vítima reagiu e acabou se ferindo em uma das mãos. Os conduzidos negaram os fatos, só que o "Paulista esqueceu que a camisa dele estava suja com o sangue da vítima". Após a lavratura do auto de prisão em flagrante, os autuados foram encaminhados a cadeia pública local.

www.setimaregional.com.br com informações da 7ªDRPC
Leia Mais ››

Policiais Civis interage com alunos de escola pública de Remígio afim de conscientizar os riscos da prostituição e tráfico de pessoas.


Na manhã desta sexta-feira, 19/04, um grupo de alunos da Escola José Bronzeado Sobrinho (JBS) de Remígio resolveram realizar uma filmagem- teatral sobre o tema prostituição e tráfico de pessoas para desenvolverem este trabalho contaram com o apoio do Delegado de Polícia Civil, Lamartine Lacerda que prontamente atendeu os alunos orientando e dando conselhos além de realizar uma filmagem que seria repassado aos demais alunos da turma sobre os perigos que rondam a nossa sociedade.
Um dos serviços da polícia é de conscientizar as pessoas afim de que estas não se torne vítimas de crimes, e uma forma de conscientizar é ensinando os mais novos, pois estes poderão repassar os conhecimentos adquiridos para os demais colegas e familiares.

www.setimaregional.com.br com informações da Delegacia de Remígio.
Leia Mais ››

Juiz denuncia que teve assinatura falsificada dentro de fórum de Picuí/PB



Denúncia foi feita na Delegacia de PicuíO juiz de direito da comarca da cidade de Picuí, no Curimataú paraibano, Mário Lúcio, prestou queixa na delegacia regional da Polícia Civil, nesta sexta-feira (19), comunicando que sua assinatura foi falsificada em oito processos judiciais. O crime teria ocorrido dentro do fórum da cidade.

De acordo com o delegado Regional João Joaldo, o magistrado constatou a fraude nas assinaturas concernentes a processos envolvendo empréstimos consignados. “O juiz trouxe cópias originais de oito processos e dá pra constatar uma falsificação grosseira nas assinaturas”, afirmou.

O delegado revelou que os documentos serão submetidos a exames grafotécnicos no Instituto de Polícia Científica (IPC) de Campina Grande, na próxima segunda-feira (22). “Os documentos serão periciados para constatar cientificamente se houve a fraude. Vou designar um delegado especial que vai investigar para saber quem foi o responsável pelas falsificações. Um inquérito policial será instaurado”.




No final de março deste ano, o Jornal Valor Econômico de São Paulo denunciou que a Paraíba estava entre os sete estados envolvidos numa verdadeira indústria de liminares possibilitando calotes em bancos que oferecem crédito consignado ao setor público, a exemplo da Marinha, Aeronáutica, INSS, governos estaduais e prefeituras municipais.

De acordo com a publicação, na Paraíba, as cidades de Picuí e Barra de Santa de Rosa seriam o epicentro da fraude. À época, Mário Lúcio era o juiz responsável pelas duas cidades. Picuí recebeu mais de 5 mil ações revisionais de empréstimo consignado nos últimos dois anos.

Em entrevista a imprensa paulista, o juiz Mário Lúcio confirma que concedeu “diversas liminares” para suspender o pagamento de parcelas do consignado, mas fala que derrubou as decisões ao verificar que os fatos “não correspondiam” ao que era sustentado no processo. O magistrado revelou que “não tem conhecimento de fraude”, mas que “pode até ter sido enganado por advogados”.

Leia Mais ››

Polícia Civil divulga áudio em que assessor de Juiz tenta extorquir réu em processo de Indenização.


Nesta sexta-feira, 19, a Polícia Civil de Picuí divulgou o áudio em que Marllon Laffit Feitosa Passos, 25 anos tentou extorquir 22 mil reais de réu em processo no qual seria cobrado por danos morais um valor em torno de 150 mil reais. Marllon acreditava que conseguiria inicialmente os 22 mil reais dos réus no processos mais chega a negociar e reduzir o valor até 11 mil reais. Sabendo se tratar de uma extorsão o réu do processo grava o pedido de dinheiro de Marllon, no qual o mesmo usa nomes do Juiz da cidade de Picuí e de advogados do processo em tramite. Marllon mostra ser uma pessoa fria na hora da negociação e no final pede que a vítima da extorsão não conte pra ninguém nem mesmo para seu próprio advogado, deixando transparecer que se tratava de um golpe.
Se o pedido de 11 mil reais finais era para beneficiar o réu do processo, porque o seu próprio advogado não podia saber?

Ao saber da gravação do áudio o Delegado Regional João Joaldo com apoio da guarnição militar deu voz de prisão ao acusado Marllon Laffit, o qual questionado sobre a extorsão disse em sua defesa que foi um mal entendido e que o mesmo estava apenas negociando a compra de caixões para sua agência de advogados que trabalhava em Campina Grande. Na defesa de Marllon a sua advogada disse que o mesmo caiu em uma cilada. 

Marllon já se encontra em liberdade....

escute o áudio.










www.setimaregional.com.br
Leia Mais ››

Mega operação realizada em Nova Floresta apreende drogas e armas




As policias Civil e Militar deflagraram uma operação de combate ao tráfico de drogas na cidade de Nova Floresta, no Curimataú paraibano. O objetivo era cumprir 12 mandados de busca e apreensão. Dois ex-presidiários foram detidos.  A ação policial ocorreu por volta das 06h, desta sexta-feira (19).
De acordo com o delegado Durval Barros, a polícia vinha investigando há três meses a ação de traficantes nas cidades de Cuité e Nova Floresta. Constatado o tráfico de drogas e mapeadas as bocas de fumos, a Justiça da 2ª Vara de Cuité expediu vários mandados de buscas e a operação foi deflagrada.


“De posse dos mandados, as policias Civil e Militar foram em busca de cumprir a determinação da Justiça. Conseguimos prender em flagrante os ex-presidiáriosFernando Luiz de Lima, 47 anos, e Joseilson dos Santos Rodrigues, 21, conhecido como catatau, na residência que estava na lista de cumprimentos de mandados”, disse o delegado.
Durante a operação, os policiais apreenderam pedras crack e maconha prensada. Os acusados foram encaminhados para a cadeia pública de Cuité. Cerca de 50 policiais participaram da operação.
texto: Portal Correio entrevistando o Delegado Durval Barros.


















Fotos e vídeos dentro de instantes.
Dois acusados já encontram na cadeia de Cuité/PB


www.setimaregional.com.br
Leia Mais ››

Dupla de bandidos pegam corrida com moto-taxista na cidade de Arara e no final roubam as motos.


Na manhã desta quarta-feira,17/04, por volta das 11:30hs dois mototaxistas que tem seu ponto localizado próximo ao MultBank, agora PagueFácil da cidade de Arara pegaram duas viagens com destino ao sítio Lagoa Jogo, zona rural entre Remígio e Arara.
Ao chegarem no sítio os dois elementos anunciaram o assaltos aos taxistas empunhando um revolver.
As motos levadas eram: UMA HONDA CG 125 CC TITAN ES, ANO/MODELO: 2000, COR: VERDE, PLACA: MOC- 2635- PB CHASSI: ...8976.
UMA HONDA CG 125 CC, TITAN KSE, ANO/MODELO: 2003, COR: AZUL, PLACA: DJT-7136, CHASSI: ...5810.
Segundo os mototaxistas se tratam de dois elementos sendo um alto e magro com tatuagem com nomes no braço esquerdo, e o outro era baixo, de cor parda, após o roubo tomaram fuga com destino a Casserengue.

www.setimaregional.com.br com informações da Delegacia de Remígio/PB
Leia Mais ››

Fugitivos de cadeia pública de Remígio são recapturados em Esperança/PB; um deles tentou fugir pulando muros de residências

Cristiano Rocha
O fugitivo da cadeia pública da cidade de Remígio, Agreste paraibano, Cristiano Rocha dos Santos, 21 anos, foi recapturado nesta quarta-feira (17), durante uma operação conjunta entre as policias Civil e Militar, na cidade de Esperança, na mesma região. O presidiário é acusado de uma série de assaltos a posto de combustíveis e roubos de motos. Horas depois, outro fugitivo foi preso por policiais do 10º BPM.
Segundo informações, o serviço de inteligência das policias recebeu informações de que o fugitivo estava escondido em uma casa na Rua 13 de maio, no bairro Catolé, em Esperança. Foi montada uma operação conjunta e durante a ação, o acusado tentou fugir do cerco policial pulando o muro de quatro residências, mas foi preso.
Além de assaltos a postos de combustíveis, Cristiano Rocha é acusado de outros crimes na região do Brejo paraibano. “Desde a fuga em Remigio, os policiais militares e civis já ficaram em alerta por ele ter sua área de atuação aqui na cidade de Esperança. Desde então, percebemos o aumento do roubo de motocicletas e intensificamos as abordagens e conseguimos prender o acusado”.
O tenente Floristan Ferreira, comandante da 2ª CIA de Esperança, ressaltou que “o apoio da população foi imprescindível para tirar mais uma vez esse criminoso de circulação, pois as informações da população nos levaram até o acusado”.  Cristiano Rocha será encaminhado para a cadeia pública de Remígio, de onde fugiu no último dia 8 durante o banho de sol.
Após a prisão de Cristiano Rocha, os policiais do 10º BPM e civis, conseguiram prender outro fugitivo da Cadeia Pública da Remígio. O detento conhecido como Pituca foi preso em Esperança. Os dois fugiram no mesmo dia durante o banho de sol. 
Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária do Estado, a direção da cadeia abriu investigação para saber se houve facilitação na fuga, já que após pular o muro das celas, os acusados correram pela parte externa da unidade e pularam outro muro de 2 metros que dá acesso a rua.
O detento conhecido como Pituca
Foto: detento conhecido como Pituca
Créditos: Divulgação Polícia Militar
Leia Mais ››

Proprietários de veículos precisam comunicar a venda para evitar transtornos.


O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB)  recebe, diariamente, dezenas de recursos de proprietários de veículos que não observaram as recomendações contidas no verso do certificado de registro de veículos determinando  que o vendedor tem a obrigação de comunicar a venda ao órgão, dentro de 30 dias, e acabam se surpreendendo com multas e pontos na carteira nacional de habilitação, por infrações que não cometeram.

O órgão informa que, para efeito legal, o responsável pelo veículo é o que consta no documento e quando a venda não é comunicada fica impossível chegar ao novo proprietário. O diretor de operações do Detran, Orlando Soares, explica que, recentemente, o texto impresso no verso do certificado de registro de veículos sofreu modificações.

Os recibos antigos alertavam que a transferência de propriedade “poderia” ser comunicada pelo vendedor  remetendo cópia do documento ao Detran, após devidamente preenchido e com firma reconhecida.

O novo modelo estabelece que “o vendedor tem a obrigação de comunicar a venda do veículo ao Detran no prazo máximo de 30 dias, sob pena de ser responsabilizado pelas penalidades impostas e suas reincidências, até a dada da comunicação (Lei Federal número 9.503 , artigo 134 do Código de Trânsito Brasileiro)”.

O documento diz ainda que “o adquirente terá o prazo máximo de 30 dias, contados da data da aquisição, para providenciar a transferência do veículo para o seu nome, sob pena de incorrer em infração de trânsito, conforme o artigo 233 do Código de Trânsito Brasileiro e ainda alerta que é obrigatório o reconhecimento de firmas do adquirente e do vendedor.

A diretoria de operações informa que,  ao vender um veículo, o proprietário deve preencher completamente o recibo, datar, colher a assinatura do comprador e reconhecer ambas as firmas por autenticidade.

Na sequência, deve comunicar a venda ao Detran, anexando cópia do referido recibo. Só desta forma, ele vai estar isento de qualquer responsabilidade em relação ao veículo, após a data do comunicado. Por outro lado, quem comprar um veículo e não fizer a transferência de propriedade dentro de 30 dias, vai pagar multa no valor de R$127,69 por recibo vencido.

Mudança de endereço - O Detran informa, ainda, que as mudanças de endereço dos proprietários  dos veículos e dos condutores também devem ser comunicadas ao Detran,  a fim de que seja atualizado o cadastro junto ao órgão e nos bancos de dados nacionais.

No caso do condutor, o pedido é para que a atualização de endereço não seja feita apenas no vencimento da carteira nacional de habilitação.

A importância dessa atualização deve-se ao fato de que toda comunicação feita entre os órgãos de trânsito e o proprietário do carro e aos condutores é encaminhada ao endereço que consta do cadastro do veículo, para onde são encaminhados as multas, IPVA e demais tributos.

É importante lembrar que, de acordo com o art. 282 do CTB, as notificações são enviadas ao proprietário do veículo ou ao infrator por meio de remessa postal e se forem devolvidas por desatualização do endereço serão consideradas válidas para todos os efeitos. Outro detalhe é que um endereço desatualizado pode fazer com que condutores e proprietários de veículos percam prazos para recursos, devido ao não recebimento de notificações.

Para atualizar o endereço junto ao Detran basta procurar uma unidade do órgão munido de documentos pessoais e comprovante de residência e não é cobrada nenhuma taxa pelo serviço.
Leia Mais ››

9º BPM de Cuité disponibiliza número de celular para a população


O 9º Batalhão de Policia Militar – que tem por Comandante o Major Afonso Antônio Galvão – implantou na manhã deste domingo, 14, uma importante filosofia de policia comunitária disponibilizando o telefone celular (83) 9934-8663 (operadora Tim) para que a população ligue a qualquer hora do dia e possa expor a sua solicitação. O celular facilitará o contato sociedade/Polícia Militar com mais agilidade. A  população pode ligar no número citado acima e, em seguida, a ligação será retransmitida via rádio às demais viaturas pela Central de Operações da Unidade.

Ascom
Leia Mais ››

Policiais Civis de Picuí prendem acusado de realizar assaltos a mercadinho e residências.


Hoje, 16/04/2013, Policiais Civis de Picuí- 7ªDRPC sob o comando da Delegada Dianni Regina, com o apoio dos Policiais Militares SD M Antonio e SD Lima Andrade, prenderam em Flagrante EDIPO MACEDO ALVES, mais conhecido por "Pinto", o mesmo efetuou um furto dois dias antes em um Mercadinho e uma Residência no Bairro Monte Santo, o acusado estava escondido no Bairro Alto do Cruzeiro, no local foi encontrado parte do material do furto, o acusado mostrou que escondeu a outra parte no mato perto da casa, local de difícil acesso. 

www.setimaregional.com.br com informações do APC Reinaldo
Leia Mais ››